Livro Diferente como Gabrielle Coco Chanel

|
Já falei de muitos estilistas e Chanel vem acompanhando a história da moda desde a década de 20... já foi citada várias vezes aqui e sempre um pouquinho de sua personalidade vinha à tona, entretanto até então ela não tinha ganho um post só para ela, como Balenciaga, Dior e outros.

Uma das razões para eu adiar, é por conta dos inúmeros livros e filmes existente sobre Coco, sempre faltaria alguma coisa e não conseguia pensar em uma maneira de contar a vida de Chanel de um modo especial e super resumida.

Finalmente descobri como contar brevemente a vida de Chanel - baseado no livro infantil: Diferente como Chanel, de Elizabeth Metthews.

  

1880

Em 1883 nascia Gabrielle Coco Chanel, no oeste da França, um país que representava o luxo e tudo o que era rico.

Porém a pequena Gabrielle, assim como a maioria dos mortais, não nasceu em uma família rica, pelo contrário, sua família era muito pobre e viviam em uma casa de um único cômodo.

Aos doze anos Gabrielle perdeu sua mãe e ela e sua irmã foram para um orfanato de freiras, enquanto seus irmãos foram trabalhar em uma fazenda.
 

No orfanato tudo era muito rígido como as muralhas medievais que cercavam o convento e para fugir da realidade fria que era sua vida, era leitora de romances baratos e frequentemente romanceava fatos de sua vida para torná-los mais interessantes, dizem que até no confessionário ela inventava.

Gabrielle sonhava em ter uma família rica que a adotasse e a levasse para uma vida com roupas elegantes. Foi nesse período que Coco aprendeu a costurar e desde então dava vida as suas bonecas por conta de seu talento e criatividade.

1900

Em 1901 quando já estava com 18 anos Gabrielle foi para a escola de boas maneiras de Notre-Dame, lá sua vida continuou sendo difícil, a escola separava as moças de boa família das carentes.

Coco mesmo estando do lado contrário à sua vontade, mantinha uma postura altiva e procurava observar os modos das moças, de famílias abastadas da França.

 

Quando saiu de Notre-Dame, Chanel foi trabalhar em uma alfaiataria e logo começou a adaptar a moda da época às suas condições e aos seus gostos. Coco, não teve medo de ser diferente e investiu em suas convicções.

Aos 21 anos, contam que Chanel entrou de penetra em um hipódromo, pois como não vinha de uma família de prestígio, precisava estar cercada de boas companhias e foi nesse período que conheceu seu grande amor o aristocrata chamado Arthur “Boy” Capel, que adorava suas ideias diferentes. Tanto é que comprou para Gabrielle uma pequena boutique em Paris.
 

Foi nessa loja que Gabrielle costurava diretamente nos manequins, já que não sabia desenhar e do fundo da loja observava a reação de suas clientes, as suas criações incomuns e livres de espartilhos.

1910

Quando em 1914 a Primeira Guerra foi anunciada os modelos de Chanel eram perfeitos, usavam pouco tecido e eram simples, isso fez da boutique de Coco um sucesso! Em poucos anos Chanel já empregava mais de trezentos funcionários.
 

Mesmo após o fim da guerra o padrão de beleza era de uma mulher esportiva e ágil, diferente do padrão rechonchudo.

Todas queriam ser Chanel, porém a sua beleza não vinha apenas de suas roupas, mas de sua atitude e estilo, e isso nem as mais ricas mulheres podiam comprar!

1920

Em 1920 Chanel lançava seu perfume homônimo, o Chanel nº 5. O perfume mais caro da época. Ainda nesse período, ela cria o cardigã e o pretinho básico.

 

O estilo de Chanel não agradava a todos:

“Antes as mulheres eram bonitas e arquiteturais como a proa de um navio. Agora se parecem com telefonistas subnutridas”. Paul Poiret

“Ela tem mais bom senso do que qualquer mulher da europa”. Pablo Picasso

1930

Com o início da Segunda Guerra, Chanel fecha suas boutiques em Paris. Dizem que essa é a parte mais obscura de sua vida.
 

1950

Em 1954, Chanel retorna a Paris e busca reconquistar o seu lugar entre os grandes nomes da moda e mesmo com dificuldades consegue se reerguer.

Chanel nunca se casou ou teve filhos, sua vida era o seu trabalho. Acredita-se que por tudo o que Coco passou em sua vida, preferiu seguir sozinha até o fim.

1970

Foi em 1971, ano da morte de Chanel que Philipe Guiborge assume a direção da Casa de Chanel e desde 1983 Karl Lagerfeld se torna o designer principal e dá continuidade ao trabalho de Gabrielle Coco Chanel.
 

Chanel tratava suas clientes ricas de igual para igual e exigia o mesmo respeito. Esse comportamento fez dela uma grande estilista e não apenas uma modista. Para Chanel nada era mais importante do que ser ela mesma e seguir o seu estilo. Tudo isso sem dúvida a transformou em um ícone e referência de moda!



Espero que tenha gostado de ler sobre Chanel, responsável por tornar a simplicidade em sinônimo de elegância.

Até amanhã, com mais um post sobre a moda inverno 2012.

Te espero, tchau!

51 comentários:

  1. ameeeeeeeeeeiiiii! q historia linda!! ainda mais q è real neh? amei amei

    ResponderExcluir
  2. Rafa, eu simplesmente ameeei o post!
    Não conhecia a historia por esse lado, é fantástica!!

    Adorei

    Beijos

    www.estilohilo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Rafa eu só conheço toda a história dela assim como contou pois assisti o filme e adorei, muito bom :D
    Não conhecia esse livro, que bacana, me deu vontade de ler!!!
    Beijos

    lolaporlola.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Rafa, amei o post sobre Chanel, ainda não conhecia esse livro,rsrsr, muito bom.
    bjssssss

    ResponderExcluir
  5. Oi Rafa,

    ela é mesmo admirável, esse livro é muito legal, eu assisti ao filme e me veio todas as cenas na mente..

    Bejim.

    ResponderExcluir
  6. Adorei ler esta matéria, me senti assistindo um filme sobre Coco Chanel. Beijinho.

    ResponderExcluir
  7. Rafa,

    Eu ja conhecia algo de Coco Chanel, então assisti o filme e fiquei ainda mais fã e seu post esta mais que perfeito!!!

    Bjs Linda!

    ResponderExcluir
  8. Fantástico!!!

    Adorei!

    Não conhecia nada (frase recorrente por aqui, não?) e agora posso dizer que eu sei sobre Coco Chanel. Gabrielle Chanel.

    Adorei!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Além de ser muito a frente do seu tempo ela era genial e recriou a maneira das mulheres se vestir. Além do q suas criações são atemporais. Inclusive estou louca por aquele casaquinho Chanel. hehehe

    ResponderExcluir
  10. Oi Rafaela, ótima a matéria, como todas as anteriores.
    Tenho acompanho todas, ando meio reclusa nas visitas e comentários mas estou "saindo da toca" aos poucos.

    Uma linda semana a vc.

    Beijos

    Audeni

    ResponderExcluir
  11. Eu amei, não conhecia a história dela em detalhes. E ela era linda mesmo, né? E elegante como ngm!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  12. oh adorei...,. fiquei apaixonada pela história e pelas ilustrações....
    bjinhos querida
    fantástico Post

    ResponderExcluir
  13. Amei o post Rafa, ela é um ícone mesmo... bjokas

    ResponderExcluir
  14. Uma otima forma de contar a história
    ja vi um filme, li umas coisas
    mas como sempre
    seu post foi super completo

    bjs

    ResponderExcluir
  15. Rafa, eu ameiii aula!!!

    nunca imaginei que ela viveu em orfanato e tudo mais.

    Post maravilhoso!!

    bjkss

    ResponderExcluir
  16. Adorei conhecer a história de Chanel. Sério... não imaginaria essa história. Como não sou conhecedora desses assuntos fiquei realmente surpreendida.
    Adoro conhecer mais, saber mais e aqui sempre me apresenta coisas novas. Obrigada, Rafa!

    Como está o tempo em curitiba? Aqui no RS deu pra ficar quente agora =S

    Ótima semana!

    Beijos Charmosos :**

    Poli, diario-decidimudar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. OLá Rafaela.
    Adorei o post. Muito interessante. Já tinha pesquisado algumas coisas sobre chanel quando fiz o meu post sobre a marca e realmente há muito matéria sobre esta fantastica mulher. No entanto há vários pormenores que você mencionou que não tinha encontrado e gostei muito de saber. Também não conhecia o livro e fiquei curiosa. Gosto mesmo muito de ler os seus posts. Parabéns pelo trabalho.
    Beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
  18. Ótimo post! SUPER parabéns Rafinha!

    Beijos,
    Carol Veronese
    Tem sorteio de DVD + MAKES no blog!
    http://www.retratoseretalhos.com.br

    ResponderExcluir
  19. Dei esse livro de presente pra minha sobrinha. ela ama!
    beijo

    ResponderExcluir
  20. Que nadaaa mulher... Frio só de manhã cedo, na hora de sair pra caminhar. O resto do dia é aquele efeito cebola, sabe?! Que vai tirando as blusas até ficar só com uma manguinha.
    Pinhã não podeeeee!!! hahaha
    Quero dizer... Até pode, mas com moderação, pois é calórico, né... puro carboidrato =S Eu não tenho colocado pra cozinhar lá em casa se não eu me sento e como um pote numa vez só hehehe.

    Beijos ensolarados do sul ;-)

    ResponderExcluir
  21. Adorei a história! Ótimo livro, vou procurá-lo :D

    ResponderExcluir
  22. Rafa, eu simplesmente AMEI o post!
    Gostei da linguagem utilizada e das ilustrações (muito fofas) me senti dentro da história dela que com certeza foi e sempre será um grande ícone!
    Temos que agradecer muito a ela por suas criações que refletem muito em nossos guarda roupas nos dias de hoje!

    Adorei conhecer seu blog e obrigada pela visita no meu!! Estarei sempre aqui Bjbj

    ResponderExcluir
  23. Nunca tinha ouvido falar nesse livro, mas amei.
    Super dica! Fiquei encantada e quero comprar!

    ResponderExcluir
  24. que fofo!! ameiii o livro!!

    http://utvivamus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Nossa, bem "leve" esse jeito de contar a história da Chanel! Achei muito fofo.
    Estou lendo uma biografia da Chanel e há tantas reviravoltas na sua vida! E muito sofrimento também.

    Beijocas,
    www.fashionistaloves.com
    borboletadevaneando.wordpress.com

    ResponderExcluir
  26. Nossa eu ADOREi posso dizer que esta é meu post preferido!Que vontade de ler este livro!

    ResponderExcluir
  27. Muito show, Rafinha!
    E eu amo o inverno... tenho paixão!
    E Channel é tudooo!
    Bjo e ótima semana!

    ResponderExcluir
  28. rafa nao conhecia os livros mas achei muito interessante chic bjinhos geh
    v

    ResponderExcluir
  29. Ai que bacana, eu não conhecia. Curti bastante. Bjooooooooooo

    ResponderExcluir
  30. Simplesmente amei esse post, super gostode ler e as ilustrações são lindas, fiquei com vontade de comprar esse livro!
    Uma ótima semana pra vc!
    Bjos
    www.deliriofashionista.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. AMEI demais esse post, Rafa!
    Ela é um ícone, exemplo e inspiração... Adorei conhecer mais sobre a história dela :)
    Beijo e tenha uma ótima semana
     Just Carol

    ResponderExcluir
  32. verdade Rafa naõ funcionava..só lá em cima no nome blog..ja arrumei..

    Eu adoro Coco Chanel, sou sua fã...pena seu perfume ser muito caro p meu bolso!!
    mas admiro-a muito!! ja fiz também 2 posts sobre ela.

    Bj!!

    ResponderExcluir
  33. Rafa meus comentários não estão indo...pra variar né.

    Adorei o post muito bacana conhecer mais sobre coco chanel, eu não sabia de muita coisa rsrs é verdade o simples também pode ser elegante. Adorei Rafa mais uma postagem linda.
    Beijãooo e ótima semana pra vc também \o/
    http://www.makepermanente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Uma vida intensa e muito interessante a dela! Adorei conhecer novos detalhes!

    ResponderExcluir
  35. Oi, Rafa valeu pelo comentário lá no blog. Parabéns pelo post adorei saber mais sobre Coco Chanel.

    Bjsssssssssssssssssssssssssss, Dani Cardão

    ResponderExcluir
  36. Sabe que eu comecei a assistir o filme Coco antes de Chanel e não terminei por algum probleminha técnico e nem lembrei mais de assistir depois? Agora que me veio isso! Eu adoro saber mais sobre a história de grandes ícones, amei o post.

    Beijos

    ResponderExcluir
  37. Eu Adoreiii!

    Ótima Semana ")

    Muitos Beijos ;*

    ResponderExcluir
  38. adorei, que fofura :)))
    *************
    HF

    http://the-hf-blog.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  39. Menina, e preciso deste livro para a Olívia, nossa amei!!! Será que tem sobre os outros estilistas também? Onde eu compro? bjocas

    ResponderExcluir
  40. Que lindo! Vou procurar pra mim! hahaha
    Beeijo

    http://besidesthebasic.com

    ResponderExcluir
  41. Ameeeeiii amei demais esse post!!!
    Adoro a Coco Chanel e a vida batalhada que ela teve!!
    Esse livro infantil tá demais! Quero mto um para guardar para minhas futuras filhas hehehhe
    Beijooos
    www.danifreitas.com

    ResponderExcluir
  42. Adorei demaiiiis Rafa!Menina pra tu ver né?Todo mundo começa de baixo...pq tem mta gente que acha que não é assim...Adorei!
    bjss

    ResponderExcluir
  43. Oi Rafa,
    Já li trocentos livros sobre a vida da Chanel, mas não este por achar que era para criança. Agora vc me deixou com vontade de ler.
    Beijos 1000 e uma semana maravilhosa para vc.

    SORTEIO “Chá do Chapeleiro Maluco”
    http://www.gosto-disto.com/2012/04/sorteio-cha-do-chapeleiro-maluco.html

    ResponderExcluir
  44. Perfeito! Adoro suas postagens, Viagem no tempo ADOREI!!
    No blog tá rolando sorteio participa
    Bjs da Ana
    www.ananosalto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  45. Rafa adorei esse livrinho, muito bom a maneira que conta a história, ótimo mesmo :* beijinhos flor

    ResponderExcluir
  46. Incrível!! Parabéns pelo post
    Beijinhos
    http://danischwanke.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  47. Adorei o post!
    Super rico e bem ilustrado!
    Eu não conhecia esse livro, vou procurar e comprar!

    Beijinhos
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  48. Sensacional!!!!!!!!!!
    Você manda muito bem na escrita!
    Adorei !

    ResponderExcluir
  49. Quem não gosta de ler um pouquinho mais sobre a Coco Chanel, né?? Quero comprar este livro...
    bjus

    ResponderExcluir

Comentários serão respondidos em seu site ou e-mail.
Propagandas de blogs e sorteios serão excluídos.

Obrigada pela visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Layout por Xiricutico.blogspot.com para uso exclusivo de Rafaela. Proibida a cópia!
Tecnologia Blogger