Marilyn Monroe

|
Contar a vida de Marilyn recai no mesmo caso de Chanel – muito já se sabe sobre ela, por conta de filmes, seriados, reportagens e livros – e a vida real, nua e crua, não é tão linda quanto a imagem de diva.

Eu já vi seriados, reportagens em revistas e li livros sobre ela, então como fazer um post sem recair nos velhos contos e fatos?

É isso que vou tentar hoje. Espero que você encontre informações interessantes, novas e gostosas de relembrar...





Uma infância difícil

Norma Jeane e seus dois irmãos, não foram criados pela família, por conta da inconstância afetiva da mãe, ao contrário, foram criados por outras famílias e Norma passou por várias casas diferentes.

Sua mãe a visitava nos finais de semana, porém com o passar do tempo foi internada em um sanatório e ao longo dos anos Marilyn deixaria de visita-la e passaria a dizer que era órfã.
 

Quanto mais a menina Norma crescia , mais sua beleza incomodava suas famílias adotivas. Contam que em uma dessas famílias o padrasto tentou violentá-la fazendo com que fosse expulsa da família e em outra, antes que o padrasto chegasse as vias de fato, a madrasta notando o desejo que Norma despertava em seu marido, tratou de arranjar um casamento para a adolescente.

Norma se casou aos 16 anos com James Dougherty de 20 anos, que logo foi convocado para lutar na Segunda Guerra Mundial. Enquanto o marido estava em combate, Norma foi trabalhar em uma fábrica, foi descoberta por um fotógrafo e logo foi parar em inúmeras revistas.



A transformação

Em 1945 Norma viraria loira para sempre e meses mais tarde, faria eletrólise para aumentar a testa, um processo que muitas divas de Hollywood faziam naquela época.

Usou também aparelhos nos dentes e faria clareamento dentário, além de uma pequena plástica no nariz, finalizando a transformação com um pouco de silicone nos lábios.
 

A Marilyn que vemos hoje, loira, com a testa maior, linhas faciais mais delicadas e um sorriso inconfundível, não é a mesma Norma Jeane com quem seu primeiro marido se casou. O casamento acabou logo que Jimmy (como ela chamava seu primeiro marido) retornou da guerra.



Até a fama chegar

Antes do período de sucesso chegar, Marilyn passou por momentos de instabilidade financeira, o que a levou a curtos períodos de prostituição.

Em suas memórias, Marilyn contou sobre seu primeiro encontro com um dos principais executivos da Fox: “Não era a primeira vez que eu me ajoelhava diante de um homem poderoso do cinema e eu assumia essa posição, não exatamente para suplicar alguma coisa”.
 

Futuramente quando esses boatos e fotos nuas do início de sua carreira foram jogadas em sua cara, Marilyn soube lidar bem e deu a volta por cima, dizendo que fez as fotos anos antes, por que estava com fome e sem dinheiro.

O público ficou com pena e passou a admirar ainda mais aquela jovem que teve coragem de tomar tal decisão.



A fama de loira burra

O primeiro filme de Marilyn, Scudda-Hoo Scudda-Hay!, ela nem apareceu direito, das duas cenas rodadas apenas uma foi ao ar.

Nos próximos filmes, Marilyn alternaria em pequenas participações sempre transmitindo a imagem que ela passaria a vida inteira tentando desfazer: a de loira burra, peituda e super sexy.

Foi em 1953 que ela emplacou três filmes decisivos para sua carreira: Torrentes da Paixão, Como agarrar um milionário e Os homens preferem as loiras.

Depois desses filmes ela gravaria apenas mais oito longas e deixaria um pela metade. Porém a cada lançamento de um filme seu, era um grande acontecimento na mídia.



Fim do segundo casamento

Foi por conta do filme de maior sucesso que seu casamento com Joe DiMaggio, terminou com apenas nove meses, por conta de ciúmes da famosa cena do filme O pecado mora ao lado, em que o vestido de MM levanta e mostra a calcinha branca enquanto ela se refresca com o deslocamento de ar provocado pelos vagões do metrô.
 

Joe nunca deixaria de amá-la e seria seu confidente por muito tempo, onde ela sempre encontraria um ombro amigo.



O fim

Ao contrário do que muitos pensam, Marilyn não se suicidou e muito menos foi vítima de uma conspiração política. Por uma mistura de erro médico e descuido da própria atriz com os remédios, ela acabou sendo induzida a uma overdose sem querer e sem saber.

Marilyn para emagrecer, costumava fazer enemas, ou em linguagem popular: lavagem no intestino pela inserção de líquido (lá onde você está imaginando) e isso era uma prática muito comum entre as estrelas de Hollywood.
 

No dia de sua morte, MM teria feito uso de um tipo de anestésico chamado Nembutal – que seu psiquiatra desconhecia – e à noite por prescrição do médico fez as aplicações do enema. Essa foi a combinação fatal que nenhum dos envolvidos pensou que pudesse resultar na morte da grande diva do cinema.

Naquela noite MM ainda falou por telefone com o antigo enteado Joe DiMaggio Jr. e do amigo e ator Peter Lawford, que ouviu a atriz viva pela última vez e ainda tentou acordá-la pelo telefone.

Era o fim de uma grande diva que então passaria a ser um mito.
 



Curiosidades
  • Antes de ser considera um símbolo do cinema e entrar para história, Marilyn tinha o apelido de “The Mmmm Girl” na escola, devido a sua língua presa e por conta de uma gagueira de fundo nervoso.

Na época de colégio participou  do jornal estudantil e em um dos textos assinados por Norma Jeane Baker, a aspirante a repórter conta que depois de “500 questionários, chegamos a conclusão de que os homens preferem as loiras”. Conclusão que, quinze anos depois, viria a ser o título de um de seus filmes mais conhecidos.
  • MM ficou grávida três vezes e sempre quis os bebês, nas duas primeiras sofreu abortos espontâneos e na terceira, teve uma gravidez ectópica e fora obrigada a se submeter a uma intervenção cirúrgica.

Clark Gable ficou feliz ao final das gravações de Os Desajustados e disse: Essa mulher (MM) quase me deu um ataque no coração!”.  No dia seguinte dessa declaração o ator sofreu um infarto e onze dias depois morreria por conta disso. Os Desajustados foi também o último filme que Marilyn completaria.
  • Ao contrário do que todos pensam Marilyn dormiu apenas uma vez com o presidente Kennedy.

O vestido que MM usou para cantar o Parabéns para você, mais famoso e sexy da história foi costurado a mão no corpo da atriz.
  • O corpo de Marilyn Monroe, permaneceu por três dias nu, até ser reclamado pelo ex-marido Joe DiMaggio, que então tomou as providências para o funeral. No enterro fechado à imprensa um organista tocou a Sexta Sinfonia de Tchaikovsky e Over the rainbow, do filme O Mágico de Oz, ambas favoritas da atriz.



Por hoje é só! Espero que tenha gostado tanto quanto eu de conhecer mais sobre a vida dessa diva.

Amanhã mais um post sobre as tendências de inverno 2012, dessa vez deixamos as cores e partimos para as estampas. Espero você.

Tchau.

59 comentários:

  1. Amiga querida, primeiramente meus parabéns pela boda..muita luz e muito amor, por muitos e muitos anos!! Rumo a Prata!!!! E este texto amei viu!!Muitas curiosidades, que se forem ditas em outras mídias, com o seu jeito de redigir fica impecável!!Estou retomando as leituras..me perdoe!!Super bjs e excelente semana!!Elo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Rafa adorei saber mais sobre a Marilyn e antes que eu me esqueça um feliz dia das mães pra você.

    Bjssssssssssssssssssss, Dani Cardão.

    ResponderExcluir
  3. Oi Rafa,

    Essa Marilyn surpreende sempre, não sabia dessas coisas, a vida dela foi curta mas com uma sucessão de acontecimentos.
    Ontem eu me lembrei de você, achei no site: www.creativefan.com um tanto de fotos
    da Marilyn.

    Bejim.

    ResponderExcluir
  4. oi querida... na realidade acho que por traz de uma estrela ou de uma diva existe sempre sofrimento e uma vida desgraçada... gostei de conhecer um pouco sobre a história dela bjinhos superrrrrrrr grandes e boa semana....

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do texto, Rafa! Não curto mto a MM, que, para mim, é muito parecida com todas essas BBBs que existem hj em dia.... fúteis, sem mto assunto, sem mta batalha por nada, a não ser, dinheiro. Alguns trabalhos de prostituta e por aí vai... Normal hj em dia e fez sucesso na época.

    Quero ver o post de amanhãããããã!!!

    Beijos, querida, boa semana para vc!

    E o fds, foi excelente? Comemorações no sábado (casório) e domingo????

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Coitada, até naquela epoca o povo era obcecado pelo corpo ne....
    adorooo seu blog
    bjooo

    http://utvivamus.blogspot.com.br/
    http://www.facebook.com/pages/Ut-Vivamus/327301350634407

    ResponderExcluir
  7. Que triste a morte dela!!! Mas a história é incrível... E ela é a maior diva de toda a história, né? Beyonce fica no chinelo, haha!!
    Bjs, Thá.
    http://consumisse.blogspot.com
    @thaharaujo

    ResponderExcluir
  8. Amei esta matéria. Boa parte da história de vida dela eu não conhecia com tantos detalhes. Tenha um lindo dia. Beijinho.

    ResponderExcluir
  9. Diva! Não sabia que o nome dela era Norma, acredita? Adorei saber!

    Beijos,
    Carol Veronese
    http://retratoseretalhos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Nossa! Tu contaste muita coisa que eu não sabia!
    Adoro a Marilyn, ela é linda *-*
    Não sabia que ela tinha sido criada por outras famílias, deve ter sido uma infância bem triste, né?

    Beijocas,
    www.fashionistaloves.com

    ResponderExcluir
  11. Rafa, você sempre me encantando com seus posts né?? AMEI mais uma vez!!
    Adoro a Marilyn e não conhecia a história dela assim!!
    Achei engraçado essa história de aumentar a testa kk Eu tenho a testa enorme e odeio.. Agora to até me sentindo melhor!!!!! haha

    Bjbj e boa semana!

    ResponderExcluir
  12. Muito bom conhecer novas histórias, principalmente de uma diva!
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  13. Rafa queridona, meus parabéns pelo exemplo de mãe, pelo trabalho que exerce com paixão em dedicar aos filhos em tempo integral!
    ...
    Quando vi o nome desse post de hoje, vibrei, soltei até um gritinho de: urruuu!!!
    Marilyn Monroe é uma diva, é tanto que permanecem viva na história. Cheia de estilo, beleza, desenvoltura, sempre se sobressaia de muitos dos obstáculos de sua carreira, até hoje muito adorada.
    O jeito Marilyn de ser é me transmiti veracidade, vontade de viver, espontaneidade, sensualidade, que devemos no dia a dia, devemos explorar essa mulher cheia de desejos que gostamos de ser.

    Uma eterna diva.

    Beijinhos com carinho!
    Lorena Viana

    ResponderExcluir
  14. Olá Rafaela.
    Vi vários filmes de Marilyn e gostei de ver. desconhecia a maior parte do pormenores que você postou por isso adoro ler os seus posts porque fico sempre a aprender algo interessante. Muitos parabéns pelo trabalho e por ter lembrado esta grande diva do cinema....
    beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
  15. Adorei o post, não sabia nada sobre ela e adorei a forma que você escreveu, tão humana... Através da história dela é possível perceber que ela era uma pessoa que tinha sofrido muito... Emocionante! Adorei. Beijos
    http://trendtotal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Rafa, mais uma vez o post esta incrível!
    Mas me decepcionei com a beleza dela....é artificial, sem as plasticas ela não era tão bonita...apesar de que o marcante nela era todo conjunto né, beleza + personalidade, esta ultima não tem como negar que ela tinha de sobra.

    bjkss

    ResponderExcluir
  17. Mais um ícone da década de 50. Seu post trouxe novidades para mim. Engraçado que naquelea época elas faziam eletrólise se fosse hoje silicone nos seios e bumbum.rsrs
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Não tem como não dizer né? Ela é uma linda, charmosa demais. Uma pena o fim que teve. Amo muito a Marilyn, adoro o estilo dela. E esses olhos delineados, coisa mais bonita!
    Curti o post. Sempre bom relembrar a diva!
    Beijo

    ResponderExcluir
  19. Ai, acho a história de vida dela muito triste, infelizmente esse título de diva ela não aproveitou porque só depois de sua morte é que foi dado a importância. Estarei aqui pra ver as novidades de 2012, tô só esperando pra depois pedir meu presente de niver p/ marido que disse que eu posso escolher!! Boa semana Rafa querida.

    ResponderExcluir
  20. Mas ela viveu intensamente! Isso que importa. Pena ter ido cedo. Mas é diva eterna e musa inspiradora.

    ResponderExcluir
  21. Sou louca pela Marilyn. Ela era lindissima e muito querida por todos - e ainda é né? Amei seu post. Você já assistiu o documentário Marilyn no Divã? É muito bom, aconselho muito. Beijões e ótima semana <3

    ResponderExcluir
  22. ela era uma linda, mas sofredora. nem tudo são flores...
    ah! o seriado smash é sobre os bastidores de um musical sobre ela. adoro!!
    beijo

    ResponderExcluir
  23. Incrível como cada texto que você encontra sobre ela, tem uma informação nova que eu não conhecia, adorei o texto, ela era realmente uma diva, virou um mito.


    Dá uma passadinha no Mademoiselle.
    Bjs

    www.mademoisellebahia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Ela é linda! E falando nela está rolando um sorteio lá no blog de uma carteira feminina da coleção Marilyn Monroe. Bjoooooooooooo

    ResponderExcluir
  25. Amei o post!
    Adoro Marilyn e já vi alguns programas sobre ela.
    E atualmente estou aguardando o filme que vai passar no cinema!
    Beijo

    ResponderExcluir
  26. Q linaaaa..
    Ela arrasa.!

    Ameii.!

    Beijocas :*
    Ótima Semana ")

    ResponderExcluir
  27. Foi justamente esse seriado que assisti sobre ela. Gostei muito e quando eu li a biografia dela, achei que o seriado foi bem completo, pois retratou praticamente todas as informações do livro.

    ResponderExcluir
  28. Rafa parabéns você é uma da blogueira sensacional,eu amei o texto e seus posts estão me deixando culta hehehe,seu blog e o da Betty estão me deixando muito culta e bem informada!
    Eu não sabia nada sobre ela e nunca tive o interesse de aprender isso que eu mais gosto no seu blog você conta os fatos de um jeito tão leve que me transporta para a historia!

    ResponderExcluir
  29. WOOOOOOOOOOOOOOW, tem coisas nesse post que nem minha mãe sabia. É, nem a Marilyn era completamente perfeita, mas e daí? Ninguém é e ela era muito inteligente!

    VISH, eu quero uma máquina do tempo... o Axl era lindo demais :O

    Bjonas e fique com Deus <3

    ResponderExcluir
  30. WOOOOOOOOOOOOOOW, tem coisas nesse post que nem minha mãe sabia. É, nem a Marilyn era completamente perfeita, mas e daí? Ninguém é e ela era muito inteligente!

    VISH, eu quero uma máquina do tempo... o Axl era lindo demais :O

    Bjonas e fique com Deus <3

    sugar-dance.org

    ResponderExcluir
  31. Gataaaa... sou zero à esquerda de signo, mas, quem nasce dia 01/06 não é sagitariana... não seria 06/01?? Como te falei, não manjo nada... mas, acho que tem um gato aí! bjassss

    ResponderExcluir
  32. Eu amei essa super ficha da Marilyn, não sabia de muitas coisas das quais você escreveu aí, adorei o post. Claro que eu sabia que ela já tinha se prostituído e se envolvido com homens poderosos, mas não sabia desses depoimentos.

    *Ah, também reparei no signo, acho que é gêmeos, pela data! :O

    Beijos
    http://www.brilhodealuguel.com

    ResponderExcluir
  33. Isso mesmo, é gêmeos! Garota esperta! Na hora de copiar a informação do livro, devo ter me confundido e que confusão, hein? Não é nada parecido! rs.

    ResponderExcluir
  34. Obrigada pelo comentario, Rafa!
    Marilyn é uma eterna diva mesmo...
    Bjs

    http://noestilonamoda.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  35. Gosto muito dos seus posts!! Sempre muito interessantes!!
    Amei conhecer um pouco mais sobre a MM!!
    Parabéns pelo blog!!

    Beijos, Delne.
    www.amigaseafins.com
    @amigaseafins

    ResponderExcluir
  36. Ela era realmente linda, pena os excesso a terem levado tão cedo
    Animal Print é o assunto lá no blog
    bjs da Ana
    www.ananosalto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  37. Ela sempre foi muito linda, como Norma e também como Marilyn. Adoro as fotos mais espontâneas dela, como ela fotografava bem!!!

    ResponderExcluir
  38. Ela era linda mesmo. Pena que teve uma história tão triste e dificil. Isso nos lembra que "beleza não é tudo" e que a família é muito importante para o desenvolvimento social de uma pessoa.
    Beijinhos e ótimo post..

    ResponderExcluir
  39. A Marilyn é simplesmente uma d-i-v-a :3:3:3:3

    ResponderExcluir
  40. Esta foi a historia que mais gostei de conhecer .que vida conturbada desta mulher que poucos conhecem bjinhos geh
    http://coresdebutterfly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. É como vc disse: tudo sobre MM é falado à exaustão, mas é sempre bom reler sobre ela. As fotos foram escolhidas de modo incrível!! Amei o post!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  42. Mais diva impossivel né? =D
    Adorei o post ^^

    Beijos
    www.diariodelooks.com
    @diariodelooks

    ResponderExcluir
  43. Só podia ser geminiana essa deusa! hehehhe
    Uma história interessante, uma vida agitada e uma perda triste.
    Muito bom conhecê-la um pouco mais!
    Beijos e ótimo início de semana.

    ResponderExcluir
  44. Muito legal ler sobre a história dela... vai sair (ou j[á saiu) um filme né? quero ver >D beijos

    ResponderExcluir
  45. também sou fã da Marilyn, já assisti vários documentários e talz, e realmente a vida dela foi muito triste, ela nunca conseguiu seguir em frente, sempre queria que alguém a amasse é muito triste... tão linda, tão incrível e teve uma morte tão trágica =/
    bjs linda! post incrível

    ResponderExcluir
  46. Noossa Rafa tanta coisa da vida dela, adorei, não sabia de vários fatos ;) beijinhos amiga

    ResponderExcluir
  47. Rafa,

    Estou bem curiosa agora p/ ver sobre a vida dela no cinema!!!!

    Bjs lindona!!!

    ResponderExcluir
  48. Nao sabia que ela tinha passado por tantas transformações, foi bom saber um pouco mais sobre a vida dela.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  49. Adorei o post, ela realmente é uma diva... Assisti ao seu filme esses dias, adorei!!!
    Bjs...

    http://www.perfumesdapam.com/

    ResponderExcluir
  50. Não sabia sobre os abortos espontâneos! Que pena né!
    Beijos!
    shoesandtears.blogspot.com

    ResponderExcluir
  51. Uau Rafa me surpreendi com o post! Sabe quando você começa a ler e não quer mais parar? Ficou SUPER bem escrito! Além de ter umas informações das quais eu não tinha nem ideia como o motivo da morte, a transformação! Sempre achei ela uma mulher maravilhosa e forte! E ela apesar de todos os erros, realmente é!
    Beijos Bell.
    http://mundodegarota.com

    ResponderExcluir
  52. Adorei saber mais dela, adorei o post, ela era muito linda.
    agoratopronta.blogspot.com
    Beijos Vanessa

    ResponderExcluir
  53. Gosto dela, mas lendo post agora entendi pq ela era assim meio transloucada, indecisa...geminiana!! geminiana que se preze tem um lado cômico, alegre e outro depre!
    mas sem duvida foi uma grande mulher!!

    ResponderExcluir
  54. " Marilyn para emagrecer, costumava fazer enemas, ou em linguagem popular: lavagem no intestino pela inserção de líquido " Rainha que fazia chuca ♥

    ResponderExcluir
  55. Vi que Os dados foram todos retirados do livro de Tetê Ribeiro,seguindo inclusive a ordem descrita pela autora,mas vc não mencionou o livro aqui,então lá vai: Tete Ribeiro Divas Abandonadas,editora Jaboticaba,2007.bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elaine, vc tem razão os dados são do livro de Tetê e acho que por ter falado dele anteriormente acabei não colocando a referência aqui. Que mancada minha, sempre gosto de colocar as fontes, principalmente de livros e dos livros que gostei tanto como eh o caso deste. Agradeço pela lembrança e apesar de não atualizar o site, vou procurar deixar as fontes. Um grande abraço e obrigada pela sua visita :D

      Excluir

Comentários serão respondidos em seu site ou e-mail.
Propagandas de blogs e sorteios serão excluídos.

Obrigada pela visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Layout por Xiricutico.blogspot.com para uso exclusivo de Rafaela. Proibida a cópia!
Tecnologia Blogger