Filmes: Looper, Se beber, não case! 2, A beira do abismo, O golpista do ano

|


Depois do fiasco da semana passada, com a indicação de filmes, corri para a locadora atrás de um bom filme, já que os cinemas estavam pobrinhos de filmes e só nesta sexta-feira, hoje, estreia o novo filme do Bruce caldo bom Willis nos cinemas - Looper.


Dá uma olhada na sinopse e trailer aqui.


Voltando a terra.

A locadora também estava um fiasco, nada de legal... Então veio comigo para casa: Se beber, não case! 2, A beira do abismo e O golpista do ano.



Se beber, não case! 2

Apenas comprovei o que todo mundo falou: “o primeiro foi melhor”. 


E como eu nem tinha gostado tanto assim do primeiro, pude dormir no meio do filme e acordar só nos letreiros, com direito a fazer perguntas no dia seguinte para a cunhada, tentando entender o final do filme.

Sinopse e trailer aqui.



A beira do abismo

Filme com o bonitinho do Fúria de Titãs e com a linda da Elizabeth Banks. Só aí já valeria perder uma horinha de filme.


E o filme não decepciona (muito) é um suspense no estilo daquele Por um fio, em que o cara passa o filme todo em uma cabine telefônica. Final bem óbvio, sem grandes surpresas ou reviravoltas.


O filme fez o que tinha que fazer e foi pra casa tirou a maquiagem e tomou um café morno.

Sinopse e trailer aqui.



O golpista do ano

Dos três filmes que loquei, esse valeu a pena!


Filme com Jim Carrey, Ewan Moulin Rouge McGregor e Rodrigo Santoro. 

Tem o bom humor do Jim Carey, o Ewan sendo uma bicha fofa e Rodrigo revivendo um gay, como fez em Carandiru. Tem cenas engraçadas e um roteiro que apresenta surpresas e reviravoltas durante a trama. Muito bom.

Sabe aquele filme do Leo Titanic, vem que não sou a Rose e revezo na portinha com você DiCaprio, Prenda-me se for capaz? Achei parecido.



Agora se está com medo de ter cenas chocantes para a família brasileira, não se preocupe, ele é bem mais leve do que O segredo de Brockeback Mountain. Obviamente não dá para assistir com as crianças na sala e você não vai querer assistir do lado do seu pai, não é? Feita essas ressalvas eu recomendo.



É isso, continuo péssima da gripe e acho que vou ter que largar a minha vida de boemia (hohohoh, brincadeira, só que não) e tomar um medicamento, pois não vejo luz no fim do túnel.


Divirta-se e nos encontramos novamente na segunda-feira.


Até!



Revista Capricho Set 95 - parte2

|


Olá tudo bem por ai?

Eu para variar estou resfriada e com dor de garganta... Viram como está o clima aqui na região sul? Tá frioooo!

Chega de mimimi... Gostou da Vilma (post de terça)? Espero que sim, ela trará ao blog uma pitada de humor requentado refinado, já posso adiantar que o próximo post está divertidíssimo!

E já que a moda se resumiu nas segundas, hoje tem um revival direto dos anos 90 com a revista Capricho. Vamos continuar a folhar o que tinha nessa edição de setembro. Senta aqui do meu lado, porque hoje é dia de moda...




Certo e Errado

E para começar bem, vamos logo de certo e errado. Sessão favorita de muita gente.






Editorial de moda

E aí, será que alguma das roupas desse editorial pode ser usada hoje?





Moda básica

Se você não acha que dá para sair vestida como o editorial a cima, a revista montou looks clássicos que dizem ser atemporal, será que você concorda?








Espero que tenha gostado de rever o que era moda nos anos 90 com mais uma revista da minha coleção. Nos vemos novamente com essa tag semana que vem.


E amanhã tem filme para o final de semana. Estarei te esperando.


Até lá.









Referências: As revistas são de minha coleção, do período em que fui assinante – 1994 à 1996. Se gosta desta tag e quer ver as curiosidades das edições de janeiro de 95 até agora, clique na categoria "revistas" e divirta-se.

CIRCULANDO PELO MUNDO POP

|


Após duas semanas de homenagens para Alanis Morissette, vamos voltar com tudo. Apertem os cintos que a viagem vai ser boa!!!





25 ANOS DEPOIS – HERANÇA DOS ANOS 80

Como vocês já viram aqui no blog, Kylie Minogue está passando por 2012 celebrando os seus 25 anos de carreira (ela ficou famosona lá em 87, no ano em que eu nasci).


Após o estrondoso single de Timebomb, a deliciosa coletânea The Best of Kylie Minogue, a desejada Anti Tour e a celebrada Aphrodite – Les Folies Tour, ela finalmente irá lançar o tão esperado álbum com versões acústicas de seus maiores sucessos.

Com datas para o fim de Outubro, Minogue presenteará os fãs com o álbum The Abbey Road Sessions, gravado em Novembro de 2011 em Londres. Dá uma olhada aqui

O álbum conta com 16 faixas totalmente repaginadas e orquestradas. Mas não é só isso, teremos uma música inédita chamada Flower, que será lançada como single para promover o álbum. 


O clipe terá estreia no dia 25 de Setembro após a hashtag #KylieFlower atingir o número de 25.000 no Twitter.  Se você assistiu a KylieX2008 com certeza ouviu essa canção que precedia I believe in you. Corre porque tá lindo!!! 

Veja aqui



DE VOLTA AO LOOSE

Se você estava sentindo falta daquela Nelly Furtado mais urbana do álbum Loose, aqui você vai matar a saudade. 


A canadense lançou o videoclipe para Parking Lot, presente em seu mais novo álbum lançado dia 18, o The Spirit Indestructible e a canção tem uma pegada bem parecida com as músicas do bem sucedido álbum de 2006.

Dá o play aqui.



FINALMENTE

Shakira anunciou esta semana que está grávida. Não sabemos ainda de quanto tempo, ela apenas disse que está muito feliz e que junto com o namorado irá curtir esse momento. 


Outra boa notícia, por enquanto não foi dito o contrário, é a de que ela foi contratada para substituir a Christina Aguilera na próxima temporada do The Voice EUA

Junto com ela teremos o cantor Usher que entrará no lugar de Cee Lo.





P!NK ESTÁ COM TUDO

No dia 18 de Setembro, a cantora lançou um trechinho do seu novo videoclipe para a música Try que faz parte do seu novo álbum The Truth About Love


Eu gostei muito (clipe, letra e música). E P!nk está arrasando nas produções, veja a capa do álbum e do single.

Assista aqui.




BONDGIRL

Calma, calma! Adele (outra futura mamãe) não estará nas telonas, mas gravou a música tema da franquia de 007 Skyfall


O filme será lançado no Reino Unido em 26 de Setembro, mas pode ser que a música venha cair nas graças do público dias antes. 

Ainda não achei a canção por aí, mas logo que for lançada, você vai ouvir por aqui.




MEMÓRIAS PÓSTUMAS

A rede BBC divulgou no dia 21 o trailer de divulgação do Box Amy Winehouse at the BBC



Neste material o fãs terão reunidos em 04 CDs/DVDs os melhores momentos  de Amy em sessões de rádio e TV. O lançamento está previsto para dia 12 de Novembro. E os fãs com certeza irão amar.

Veja aqui.




Podemos parar por aqui? Vou ali tomar uma água e recarregar as energias para a próxima semana. Espero que tenham gostado do passeio de hoje. 


Até a próxima!












Imagens: livelearnshineon.blogspot.com/ kylie.com/ en.wikipedia.org/ shotpix.com/ cadenobrasil.com/ mediahollyscoop.com/ ilovernbmusic.com/ lastfm.com.br/ clashmusic.com Referências: en.wikipedia.org/ kylie.com/ cifraclubnews.com.br/ musicweek.com

Vilma – E a competição materna

|


Oi, sou a Vilma, dizem que sou o alter ego da Rafaela, mas isso não é verdade e vocês vão perceber que tenho vida própria e digo coisas que a dona da casa não teria coragem de contar.




Chega de explicações, vamos ao que interessa!

Você é mãe? Se é, sabe que depois de ser mãe, você entra em uma competição mesmo sem querer, tem um filho? Então está no jogo das comparações, queira você ou não. Começa lá na gravidez, medindo o tamanho da barriga...

Ao longo do tempo você vai descobrindo como os filhos dos outros são superdotados.

Esses dias ouvi de uma mãe que a filha dela de 4 anos, mesma idade da minha filha,  é muito experta, veja só você, ela já sabe mexer no Ipod, passa horas jogando, sabe ligar e desligar.

Eu só pensava na minha filha sentada feito uma buda em cima do meu note e eu torcendo para o dito voltar a funcionar, depois de berrar com pequena vândala...

A filha dela também adora um celular, é incrível a habilidade dela com o aparelho, praticamente faz um interurbano para o Japão e manda mensagens de texto para os colegas da escola.

Depois contou que ela já sabe falar os números de um a dez em inglês... E eu só pensava na minha maluquinha com um bigode sujo de suco, que ela toma no copo de Cica, cantando ex my love pela cozinha.

A filha dela, pinta e desenha muito bem, faz todos os dedos da mão e mais uma vez pensei na minha filha pichando as paredes da minha casa.

Ahh a filha dela é muito organizada com os brinquedos... e eu pensando nos pedaços de brinquedos quebrados que junto pela casa semanalmente.

Ela praticamente comprovou por A+B que eu tinha uma retardadinha em casa, afinal para tudo o que ela falava, não ouvia de mim como resposta “a minha também”.

Enquanto eu pensava aonde foi que eu errei, vi uma fralda dentro da bolsa dela, perguntei:

- De quem é essa fralda?

Teria ela outra filha?

- Ahh é da fulaninha, ela ainda usa fralda à noite, só para dormir, ainda mais quando ela toma o leite na mamadeira de madrugada.

Usa fralda? Ainda mama? E de madrugada? – pensei comigo.

Eu não queria brincar disso, não gosto de comparações, mas fui obrigada...

E depois dessa, passei a mão na minha maluquete, uma pequena vândala juvenil e chega de papo, virei as costas e fui embora. A competição terminou ali, sem chance de revanche, afinal há muito tempo não sei o que é trocar uma fralda ou dar de mamar de madrugada.

Rá! Essa eu e minha pequenina, que insiste em desenhar as pessoas sem braço, ganhamos de lavada!


Até semana que vem, 


...sempre pronta porque queira eu brincar ou não, o jogo continua.




Moda anos 80 – Uma visão geral

|




A geração dos anos 80 acreditava e agia como se o futuro fosse agora, ou melhor eles eram o futuro.

As músicas com seus sintetizadores reproduziam sons de naves espaciais, as roupas eram prateadas e com muita cor, além das ombreiras que mais pareciam armaduras saídas de filmes sobre o espaço.




A moda ditou tendência entre as roupas de ginástica e dança, foi o tempo das polainas, legging, conjuntos de corrida e das luvinhas que deixavam o dedo à mostra.

Para as mulheres a década de oitenta foi de ascensão profissional, foram anos competitivos em que o visual executivo predominava.


Esse novo estilo envolvia os ombros largos, as calças começavam a ganhar espaço entre as mulheres nos escritórios, entretanto o tailleur era a opção mais segura. 

Para rebater a seriedade no corte geométrico das roupas, a alternativa eram os acessórios grandes, maquiagem carregada e cabelos que mostrassem poder e sucesso.


Essa foi a geração que deu início ao culto das supermodelos e manequins, foi em 1988 que Beth Lago desfilou em Paris para a Chanel.




Foi também a década da invasão japonesa na moda, que trouxe um frescor para a alta costura, com modelagens mais folgadas, valorização dos materiais e grafismos orientais. Destacam-se: Issey Miyake (1938), Yohji Yamamoto (1943) e Rei Kawakubo (1942).



Os anos 80 marcam a profissionalização das inúmeras carreiras ligadas à moda: modelistas, cortadeiras, costureiras, passadeiras, além de feiras internacionais do setor, que vinham agregar os desfiles com os lançamentos das coleções.

Essa foi a década dos Fashion Victims, do in e do out que dita o que já é ultrapassado usar. Teve também a popularização das grandes lojas de departamentos e o início das cópias descaradas de ideias consagradas.



A década de oitenta foi marcada pelo deslumbramento e da busca pelo sucesso, a moda ajudou a afirmar o estereótipo do visual de sucesso e surgiu então a ideia do “parecer bem sucedido” que evoluirá para a época em que vivemos hoje, onde o parecer é mais importante do que ser. Uma pena.


Espero que tenha gostado dessa pequena introdução sobre a história da moda nos anos 80, ainda falaremos sobre os estilistas, os modismos, a moda brasileira, beleza, fechando com a música e bandas que marcaram o período.


Já estamos na reta final dessa categoria história da moda, por isso a tag moda (tendências) de terça-feira, estará também na segunda-feira, deixando a terça-feira livre para uma nova categoria.




Então te espero amanhã com novidades. Até.









Referências: Breve História da Moda, Denise Pollini – História da moda no Brasil, Gilda Chataignier – A moda do século XX, Valerie Mendes e Amy de la Haye – O livro negro do estilo, Nina Garcia –Enciclopédia da Moda, Georgina O`Hara Call.

Filmes: Premonição 5, Rock of Ages, Vizinhos Imediatos de 3º Grau

|


Pois bem... você já sabe que esses últimos dias foram meio doidos – oi amor & sexo – e vi poucos filmes na semana que passou.


Assisti Premonição 5, que é o filme que fecha o ciclo de todos os filmes da série, mas não queria falar dele por aqui, porque mesmo não sendo um filme de terror, ele é um filme que não iria agradar grande parte dos meus leitores.


Mas se alguém assistiu a série e está curioso sobre o último filme, saiba que esse mantém o mesmo enredo de uma grande tragédia, em que um personagem tem a premonição do acidente e salva algumas pessoas.

Premonição 5 mantém o suspense, entretanto o filme está longe de ser o melhor, mas se você assistiu aos anteriores, vale a pena ver esse, para saber a maneira como interligaram todos os filmes.

Sinopse e trailer aqui.



Então ontem tentei assistir aquele filme do Tom gato Cruise, Rock of Ages, em que ele é um astro do rock, mas o filme saiu de cartaz depois de duas semanas! Duas semanas!

O negócio é esperar sair na locadora.

Sinopse e trailer aqui.



Ontem fui assistir Vizinhos Imediatos de 3º Grau, com a missão de trazer um filme leve para você, mas caí do cavalo, o filme não é o tipo que se indique, afinal é mais um besteirol americano, onde o american life é levado ao ápice por personagens bairristas.


Não bastasse isso, o enredo não tem muito pé nem cabeça, algumas histórias acontecem e não tem desfecho, ou o desfecho foi mal feito porque eles estavam preocupados nos efeitos especiais dos ET`s.

Eu acho que meninos de 13 à 17 anos irão gostar desse filme, ele fala da preocupação com o tamanho do bilau (pode falar isso?), tem várias cenas nojentas com gosma verde e uma história simples de acompanhar e fácil de dar risadas.

Não recomendaria para assistir no cinema e nem para gastar na locadora, é um filme que se estiver passando na tv e você não tem mais nada de bom para fazer, valerá algumas risadinhas.

Sinopse e trailer aqui.



É isso, o post saiu atrasado hoje, porque estava com problemas no meu office, mas saiu... Infelizmente não consegui nenhum filme interessante, mas faz parte da busca, espero logo acertar em um bem legal para te indicar.

E você assistiu alguma coisa interessante? Tem algum filme para indicar? Hoje sou eu quem está aceitando sugestões, rs.



Bom final de semana, volto na segunda-feira!

Divirta-se.




Revista Capricho – Setembro 1995

|


Oi, oi, oi... achou que eu tinha desistido de postar sobre as minhas Caprichos? No, no, no... Voltamos!

Recordo como se fosse hoje da minha reação quando recebi essa revista – fiquei brava ou braba se preferir

Gente, que capa era essa? Que braço mais seco era esse? Que padrão de beleza era esse que a revista queria transmitir com uma modelo tão magra...


Hoje sei que Fabiana era magrinha mesmo e por muitos anos cultivou esse bracinho fino, mas naquela época achei um abuso da revista estampar esse bracinho, rs.

Até porque desde que eu nasci nunca tive um bracinho fino, ô derrota.


Mudando um pouco de assunto, alguém por aí participou da época do impeachment?

Eu não participei diretamente, mas indiretamente fui muito aplaudida na rua, quando eu voltava de uma gincana na escola, em que eu era da equipe “preta” e voltei carregando uma bandeira preta e vestida de preto para a casa.

Achei graça de fazer parte do movimento, mesmo sem querer, rs.


Música dos anos noventa é um capítulo à parte, ainda mais se falarmos dos pagodes e axé que assombram o passado de muita gente...



E para finalizar, na coluna da Maria Mariana, a eterna Diana de Confissões de Adolescente, descobri que existiu uma outra temporada sem a Deborah Secco, só eu não lembrava?


Fiquei curiosa para saber se existiu explicação para a mudança da personagem, parece até novela mexicana, alguém lembra quando eles mudavam os atores e atrizes, ou só eu assistia?



Por hoje é só, espero que tenha gostado de rever um pouco de mais uma revista da minha coleção, semana que vem tem mais!

Amanhã sexta-feira, tem filmes por aqui. Não vai perder.

Até









Referências: As revistas são de minha coleção, do período em que fui assinante – 1994 à 1996. Se gosta desta tag e quer ver as curiosidades das edições de janeiro de 95 até agora, clique na categoria "revistas" e divirta-se.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Layout por Xiricutico.blogspot.com para uso exclusivo de Rafaela. Proibida a cópia!
Tecnologia Blogger